Sumário

  1. Quem foi Irmã Dulce?
  2. Como sua obra começou?
  3. Como está o processo de canonização de Irmã Dulce ?
  4. Como informar sobre uma graça alcançada?
  1. Quem foi Irmã Dulce?

    Irmã Dulce foi uma religiosa baiana que dedicou sua vida a amar e servir aos pobres e desvalidos. Aos 13 anos, sua dedicação aos carentes fez com que sua casa ficasse conhecida como “A Portaria de São Francisco”. Um ano após ser ordenada freira, aos 20 anos, já se dedicava a atender a comunidade pobre do bairro de Alagados e a classe operária. Em 1939, invadiu cinco casas na Ilha dos Ratos, região da Cidade Baixa em Salvador, para abrigar doentes que recolhia nas ruas. Expulsa do lugar, peregrinou durante uma década, levando os seus doentes por vários lugares, até, por fim, instalá-los no galinheiro de seu Convento. Irmã Dulce faleceu no dia 13 de março de 1992, aos 77 anos, e atualmente está em processo de canonização. Para ser canonizada (declarada Santa) é necessária a comprovação de mais um milagre atribuído à freira baiana.

    Para saber mais sobre a vida de Irmã Dulce, clique aqui.

  2. Como sua obra começou?

    A história da instituição começou em 1949, quando Irmã Dulce abrigou seus primeiros 70 doentes no galinheiro do Convento das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, no mesmo local onde dez anos depois, em maio de 1959, nascia a Associação Obras Sociais Irmã Dulce.

    Para conhecer a história das Obras Sociais Irmã Dulce, clique aqui.

  3. Como está o processo de canonização de Irmã Dulce ?

    Para a canonização de Irmã Dulce, é necessária a aprovação de um milagre adicional atribuído à intercessão da Bem-Aventurada Dulce dos Pobres. No momento da canonização, o Santo Padre, em virtude da sua infalibilidade, declara que o Beato está entre os santos do céu e inscreve o nome da pessoa na lista oficial (cânon) dos Santos da Igreja.

  4. Como informar sobre uma graça alcançada?

    As graças podem ser encaminhadas ao setor de Memória e Cultura através do e-mail canonizacao@irmadulce.org.br ou pelo telefone (71) 3310 -1115. Se preferir, envie sua carta para o endereço Canonização, Obras Sociais Irmã Dulce, Avenida Bonfim, nº 161, Largo de Roma, Salvador, BA, CEP 40.420-000.

Saiba mais sobre FAQ

Voltar ao sumário