Notícias

Senadores baianos reafirmam apoio à OSID

Senadores baianos reafirmam apoio à OSID

Os prejuízos sofridos pelas Obras Sociais Irmã Dulce (OSID) com o temporal da semana passada continuam chamando a atenção das autoridades políticas. Na última segunda-feira (dia 04), os senadores Walter Pinheiro e Lídice da Mata visitaram a sede da instituição (Largo de Roma) e conferiram áreas e instalações que foram atingidas pelas fortes chuvas. Recebidos pela superintendente da instituição, Maria Rita Pontes, além de gestores e líderes, os parlamentares reafirmaram o compromisso de buscar recursos federais para suprir as necessidades da OSID, além de sensibilizar outros colegas da bancada para as demandas de ampliação da capacidade de atendimento do complexo.

“Nossa intenção é fazer uma liberação de recursos para já; articulando e antecipando as emendas que nós já temos, com o apoio do Governo Federal”, declarou a senadora. “É preciso que a gente mobilize os recursos e também o comprometimento de cada parlamentar. O nosso desafio é dialogar com a bancada, com o governo federal e os ministérios da Saúde, Fazenda e Planejamento, para auxiliar uma entidade que atende uma parcela significativa da população baiana”, disse Pinheiro. “Nós temos acompanhado o trabalho desta equipe, que faz todo o atendimento com muita garra e amor. O trabalho desenvolvido pelas Obras Sociais é fantástico e por isso temos que chegar com a parte fundamental que são os recursos. Não estamos fazendo mais do que nossa obrigação. O grande favor fez Irmã Dulce a todos os baianos quando abriu essa porta”, acrescentou. 

Os senadores também conheceram o Centro Geriátrico e a nova Unidade de Alta Complexidade em Oncologia Nossa Senhora de Fátima, que será inaugurada no próximo dia 13. O novo centro das Obras, para tratamento do câncer, terá 1.700 metros quadrados de área construída, 10 consultórios, 18 leitos e modernos aparelhos.  “É com alegria e satisfação que assistimos aqui mais essa porta que está sendo aberta, e com qualidade”, destacou Pinheiro. “Essa instituição é uma obra de peso nacional. A OSID já ultrapassou a característica de uma unidade de saúde. É muito mais que isso. É a expressão de uma vida dedicada totalmente ao bem comum, à construção de um atendimento para aqueles que nada têm, que foi a marca de Irmã Dulce”, completou Lídice.

Na ocasião, Maria Rita Pontes entregou aos parlamentares um relatório contendo projetos prioritários para a OSID em 2015, a exemplo de equipamentos para a nova Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que contará com dez novos leitos. “Se todos passassem por aqui para conhecer mais de perto o trabalho, com certeza ficariam mais sensibilizados com as nossas necessidades e com os desafios que são imensos, principalmente depois dessas chuvas, que aumentaram os problemas que já estávamos enfrentando. Vamos ter que investir em equipamentos e mobiliário que não eram prioridade. Nossa expectativa agora é que saia uma emenda de bancada, que a gente consiga sensibilizar, com eles, o Ministério do Planejamento para que esse recurso chegue logo aqui”, ressaltou a superintendente.

Por causa das chuvas, três enfermarias do Hospital Santo Antônio ficaram inundadas e foram isoladas. Pacientes tiveram que ser transferidos para outras áreas do complexo, além de outras unidades de saúde de Salvador. Em virtude do alagamento, diversos equipamentos foram danificados, entre computadores, impressoras e estabilizadores. No último dia 29, quatro integrantes da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Salvador, os vereadores Duda Sanches, Aladilce Souza, Alberto Braga e Pedrinho Pepê, visitaram a sede das Obras, sensibilizados com os efeitos causados pela inundação.