Notícias

Voluntário mirim lança livro sobre suas ações de solidariedade em prol das Obras Irmã Dulce

Voluntário mirim lança livro sobre suas ações de solidariedade em prol das Obras Irmã Dulce

Com apenas 10 anos, Gabriel Weber tem muito mais para contar que as estripulias, tarefas e aventuras típicas de crianças da sua idade. Desde muito cedo, o pequeno manifestou profunda preocupação pelas causas sociais e passou a criar campanhas e atividades para ajudar os mais necessitados, já sendo responsável por diversas experiências cercadas de amor e solidariedade, as quais estarão reunidas no livro 10 Anos de Aventuras, que será lançado no dia 11 de agosto, às 18h, no espaço Livres Livros, no Shopping Bela Vista (2º piso). Generoso e cheio de criatividade, o menino, que desde os seis anos é sócio-protetor das Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), quando passou a doar parte de sua mesada para ajudar a entidade, traz em sua obra um relato emocionante de suas iniciativas em benefício das pessoas acolhidas pela instituição do Anjo Bom. A publicação, uma leitura para todas as idades e uma fonte de inspiração para ações em prol dos menos favorecidos, está sendo patrocinada pelo Esporte Clube Bahia e terá 80% da renda obtida com as vendas direcionada para as Obras Sociais Irmã Dulce. Os recursos serão aplicados na reforma da biblioteca do Centro Educacional Santo Antônio (CESA), núcleo de educação da OSID que atende 700 crianças e adolescentes em situação de risco social no município de Simões Filho.

“Estou muito feliz com esse livro. Espero que as pessoas que leiam se sensibilizem e façam algo para melhorar o mundo”, declara Gabriel. O início dessa bela história de tantos gestos de generosidade surgiu depois que ele conheceu o Memorial Irmã Dulce – MID (Largo de Roma), no ano de 2012, relembra Sheila Weber, mãe do garoto, que já atuava como voluntária na instituição e decidiu levá-lo ao MID. A visita de Gabriel, com apenas cinco anos de idade, ao museu que apresenta o legado de amor e caridade do Anjo Bom do Brasil através da exposição do seu acervo tocou profundamente o menino, dando impulso ao seu grande coração e à vontade de ajudar os que mais precisam.

Desde os seis anos, Gabriel vem idealizando e organizando uma série de atividades voluntárias em benefício de pacientes, acompanhantes e moradores da OSID. Entre as ações já postas em prática estão campanhas para doação de sangue; doação de meias durante a temporada de frio para aquecer os pés dos moradores do Centro de Acolhimento à Pessoa com Deficiência (CAPD) da instituição; doação de brinquedos para a estimulação precoce de crianças com microcefalia atendidas no Centro Especializado em Reabilitação Irmã Dulce; “Campanha dos Cem Reais” e a “Campanha dos Mil Reais” – ambas com a intenção de levantar recursos para a construção da nova Unidade de Coleta e Transfusão de Sangue e do Serviço de Hemodiálise da OSID e a “Campanha dos Dois Mil Quilos” (arrecadação de alimentos para as Obras Sociais).

No leque de iniciativas do menino constam ainda distribuição de chocolates, pirulitos e kits de pintura entre as crianças atendidas na entidade; Biblioteca Itinerante, projeto que visa estimular a leitura e amenizar o tempo de espera do público mirim enquanto aguarda atendimento; visita ao Hospital da Criança e ao CAPD, realizando atividades lúdicas com brinquedos de montar, desenhos e até aula de boneco de pedra; atividade de mini guia no Memorial Irmã Dulce e distribuição de panfletos do programa Sócio-Protetor, um dos mais importantes canais de doação para quem deseja ajudar a manter vivo o legado de amor e serviço de Irmã Dulce.

De acordo com sua mãe, Sheila Weber, a ideia de escrever o livro nasceu de uma brincadeira, quando, durante uma das campanhas sociais de seu filho, ela fez o comentário de que “Gabriel já tem tanta coisa para contar que caberia num livro”. O garoto gostou da ideia e com a ajuda da mãe iniciou a produção dos textos em seu computador, há cerca de dois anos. “É um misto de alegria, orgulho e ansiedade. Mas a expectativa maior com o livro é que os exemplos dele, inspirados em Irmã Dulce, se propaguem, principalmente entre as novas gerações, e que ele consiga ajudar as Obras Sociais com a venda dos exemplares”, comenta Sheila. Com tiragem inicial de 1 mil exemplares e ilustrada com belas cenas de solidariedade, a obra traz também um pouco do dia-a-dia de generosidade do pequeno, desde catar lixo nas praias até cuidar de animais de rua.

Redes sociais - Para divulgar tantas ações e conseguir as doações necessárias, o anjo mirim também mergulhou fundo no universo das tecnologias e até já criou página no Facebook (“Faça sua parte para mudar o mundo”) e um grupo no aplicativo WhatsApp. Na trajetória para ajudar os mais necessitados vale desde envios de e-mails e mensagens, até a tradicional propaganda “boca a boca”. Determinado, o próprio Gabriel faz a divulgação entre coleguinhas e familiares e, para sua alegria, consegue engajar corações e, com isso, superar todas as metas.