Notícias

Parceria entre OSID e SJDHDS garante novos equipamentos e programa de inclusão social

Parceria entre OSID e SJDHDS garante novos equipamentos e programa de inclusão social

A frutífera parceria entre as Obras Sociais Irmã Dulce (OSID) e a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social do Estado da Bahia (SJDHDS) acaba de render novos frutos para a instituição. O primeiro trata de um termo de parceria para aquisição de equipamentos de ventilação respiratória para o Hospital da Criança (HC), através do projeto “Olhai os pequenos”, permitindo assim a ampliação da capacidade de assistência aos pacientes pediátricos atendidos na OSID, além de proporcionar mais qualidade de vida ao longo do tratamento e, em muitos casos, redução do tempo de internação. Os recursos são da ordem de R$ 590 mil, repassados pela empresa CIELO S/A por meio de incentivo fiscal e alocados no Fundo Estadual de Atendimento à Criança e ao Adolescente (Fecriança).

A segunda iniciativa garante a renovação do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), projeto de inclusão social voltado para o Centro Educacional Santo Antônio (CESA), que visa atender até 350 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade e risco social e suas famílias, além de 30 núcleos familiares que possuam, pelo menos, um egresso do sistema prisional ou em situação de privação de liberdade. O programa, que já tinha sido implantado ao longo do ano passado no núcleo de educação das Obras, em Simões Filho, com resultados bastante positivos, tem como objetivo fortalecer os vínculos nas relações familiares, dando ênfase a questões como violações de direitos, violência e uso de substâncias psicoativas, entre outros temas, sempre trabalhando de forma preventiva. Para tanto, contempla a oferta de uma rede de serviços com psicólogos, assistentes sociais, orientadores sociais e arte-educadores, além de atividades de teatro, dança e artesanato.                

A assinatura dos acordos aconteceu no último dia 9, na sede da SJDHDS, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), com a presença do secretário de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, Carlos Martins; da coordenadora do Fecriança, Tânia Almeida; da técnica do Fecriança, Celeste Andrade; da superintendente das Obras, Maria Rita Pontes; da líder do CESA, Flávia Rosemberg e da coordenadora do Escritório de Gerenciamento de Projetos (EGP) da OSID, Luciana Silva.