Notícias

Celebrações pela Festa de Irmã Dulce começam terça com abertura de novenário e lançamento de livro

Celebrações pela Festa de Irmã Dulce começam terça com abertura de novenário e lançamento de livro

O mês de agosto entra em cena com uma programação intensa dedicada a Irmã Dulce, que promete reunir milhares de fiéis e admiradores durante as homenagens à religiosa. A quinta edição da Festa em honra à Bem-Aventurada Dulce dos Pobres será iniciada com um novenário, amanhã (dia 04), que prossegue até dia 12, sempre às 18h, no Santuário da Bem-Aventurada Dulce dos Pobres (Largo de Roma). A cada dia a celebração terá um pregador e um grupo de homenageados, entre os quais unidades, voluntários e parceiros das Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), além de congregações, irmandades e instituições baianas. Também nesta terça-feira, antes da abertura do novenário, haverá o lançamento do livro Alagados, um abraço do Céu à Terra (editora A Partilha, 208 páginas), no Memorial Irmã Dulce (ao lado do santuário). De autoria do padre Etienne Kern, pároco da Paróquia Nossa Senhora dos Alagados, a publicação conta a história do bairro, tão marcado pelo passado de miséria e violência, e sua transformação a partir da atuação do Anjo Bom do Brasil e demais religiosos e voluntários.

A obra inclui ainda Madre Teresa, que fundou a primeira Casa das Missionárias da Caridade no Brasil, em 1979, e o papa João Paulo II, que fundou a Paróquia Nossa Senhora dos Alagados, em 1980, personalidades que também contribuíram significativamente para as melhorias ocorridas em Alagados. O livro é dedicado a Dulce Maria de Souza Brito Lopes Pontes, a dona Dulcinha (1915-2006), irmã de Irmã Dulce, cujo centenário de nascimento será comemorado este ano. Dona Dulcinha, ao lado da freira, ajudou a mudar a realidade de Alagados.

Homenagens - A agenda festiva dedicada a Irmã Dulce vai até 13 de agosto, data oficial da sua festa litúrgica, quando haverá um dia inteiro de comemorações. Entre os destaques do dia 13 estará a Missa Solene, às 10h, no Santuário da Bem-Aventurada Dulce dos Pobres, que será presidida pelo arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger. Outras celebrações ocorrerão ao longo da data. A festa tem como tema A exemplo de Irmã Dulce, somos chamados a dizer com a vida: ‘Eu vim para servir’. “O tema deste ano faz um resgate da Campanha da Fraternidade 2015, para chamar a nossa atenção para a realidade do serviço à Igreja, à Sociedade, ao Irmão. E quando dizemos: A exemplo de Irmã Dulce, somos chamados a dizer com vida: ‘Eu vim para servir’, queremos dizer que este fazer, que este servir jamais poderá ser um dado teórico, mas prático, vivencial, salvífico”, explica frei Vandeí Santana, reitor do Santuário da Bem-Aventurada Dulce dos Pobres.

Programação Festiva

  • Lançamento do livro Alagados, um abraço do Céu à Terra

       Data: 04 de agosto, às 17h

       Local: Memorial Irmã Dulce (Largo de Roma)

 

  • Novenário

       Data: de 04 a 12 de agosto, sempre às 18h

       Local: Santuário da Bem-Aventurada Dulce dos Pobres

 

  • Festa em honra à Bem-Aventurada

Data: 13 de agosto

Local: Santuário da Bem-Aventurada Dulce dos Pobres

06h30 - Oração das Mil Ave Marias (início)

08h - Missa dos Enfermos, celebrada por frei Mário Erky, capelão da OSID

10h - Missa Solene, por Dom Murilo Krieger, arcebispo de Salvador e primaz do Brasil

            13h - Oração das Mil Ave Marias (conclusão)

            15h - Exposição, Adoração e Benção do Santíssimo Sacramento

17h - Missa dos Devotos e Funcionários da OSID, por frei Vandeí Santana, reitor do Santuário de Irmã Dulce